FAJI certifica 50 jovens cabeleireiras e manicures

A formação profissionalizante e social de jovens para o protagonismo na sociedade é um dos eixos norteadores da Fundação de Apoio ao Jovem de Iguatu, a FAJI, organização que há 13 anos mantém a Rádio MaisFM Educativa 106.1Mhz, além de outros projetos.

Trabalhando o segmento profissionalizante a Fundação realizou na noite dessa sexta-feira, 14, a entrega de certificados às jovens participantes dos cursos de cabeleireiro e de manicure e pedicure, que também foram agraciados com kits de trabalho para já começar a colocar em prática os aprendizados. 

O evento aconteceu no auditório da sede do Sindicato dos Comerciários de Iguatu, e contou com apresentações culturais com os alunos do Projeto Mais Música, uma iniciativa realizada pela FAJI e desenvolvido pela professora Cidênia Brito.

Ao todo 50 participantes foram certificadas, divididas nas duas turmas.  O projeto Preparando Jovens Para o Mercado de Trabalho engloba 3 cursos profissionalizantes, sendo eles: barbeiro, ainda em andamento e manicure e pedicure, que tiveram a conclusão nessa sexta-feira. Além do certificado elas receberam na semana anterior um kit básico para começar a trabalhar. O projeto também encaminhou jovens para estágio em salões da cidade para um período de experiência.

Os cursos certificados fazem parte de uma ação financiada com recursos do FIA, Fundo da Infância e adolescência, por meio do CMDCA, o Conselho Municipal dos direitos da Criança e Adolescente. No final do ano de 2019 a FAJI, juntamente com outras 4 organizações foram contempladas com recursos da ordem de 10 mil reais para realização de projetos. Além dos cursos certificados nesse sábado, a Fundação continua os trabalhos do curso de barbeiro, que deve ser concluído em breve.

Trabalhando no presente; preparando para o futuro

O momento de entrega dos certificados às jovens participantes dos cursos profissionalizantes também foi um momento importante para conhecer melhor o trabalho desenvolvido pela FAJI em Iguatu. O evento contou com a presença do sócio-fundador da FAJI, o empresário Sá Vilarouca, que na ocasião destacou a importância de preparar os jovens para o mercado de trabalho no século XXI. 

“Estamos diante de um momento definitivo na história da nossa sociedade, por isso temos que nos preparar sempre, nos aperfeiçoar sempre para estar prontos para ser competitivos no mercado de trabalho. Por isso acredito muito no poder de iniciativas como essa e no trabalho da FAJI como um todo transformador na vida desses jovens, oferecendo uma formação profissional, social, que com certeza entrega à sociedade pessoas melhores e com certeza mais preparadas para o mercado de trabalho e para a vida”, afirma Sá Vilarouca.

A atual presidenta da FAJI, Fátima Sobreira, com vasto histórico de trabalho junto às comunidades eclesiais de base, destacou também a importância da possibilidade de independência financeira. “A gente sabe como esse tempo está difícil para todo mundo, mas esse curso é bom porque dá uma formação direta a esses jovens, inclusive com o kit de trabalho para que cada um possa correr atrás de conquistar seu dinheirinho, ter soa independência, crescer no segmento da beleza. A FAJI ajuda a dar os primeiros passos nessa caminhada, a partir de hoje depende de cada um deles aproveitar essa oportunidade oferecida”, explica Fátima.

Uma troca de experiências e construção de saberes

O curso teve duração de 3 meses, com as aulas acontecendo no Núcleo de Atividades da FAJI, no bairro Cocobó. Nesse período as instrutoras, Luana Lima do curso de Manicure e Pedicure e Edi Alves, do curso de cabeleireiro, trabalharam com as jovens participantes os diversos aspectos da formação profissional e a inserção no mercado de trabalho.

Um exemplo de sucesso para os jovens

Edi Alves, instrutora do curso de cabeleireiro, foi aluna de uma das primeiras edições dos cursos profissionalizantes da FAJI, continuou procurando crescer no mercado e ganhar seu espaço e atualmente é proprietária de seu próprio salão no Bairro Areias, além de ministrar as oficinas. Ela continua seu processo de aperfeiçoamento e atualmente estuda Estética, no Senac de Iguatu com bolsa. Edi Alves é um testemunho vivo do poder transformador dos cursos profissionalizantes na vida das pessoas alcançadas. Ela participou de um curso semelhante a esses promovido pela FAJI há mais de 10 anos e ao concluir começou a trabalhar na garagem de casa. Edi procurou se aperfeiçoar mais ainda e hoje mantém seu salão no Bairro Areias.

“A gente vê como vale a pena acreditar no sonho e se esforçar e acima de tudo se agarrar às oportunidades que aparecem, como esse curso maravilhoso, que está dando essa formação tão completa a essas jovens”, afirma Edi.

Um caminho novo, com retorno garantido

O projeto prepara jovens para o mercado de trabalho como uma ferramenta de justiça social e combate à violência. Essa edição do projeto alcança ao todo 75 jovens, divididos em 3 cursos.  O curso de barbeiro que também faz parte do projeto deve ter sua conclusão no próximo mês.  Para a entrega dos certificados das jovens cabeleireiras e manicures o clima era de animação e esperança. Algumas das participantes vieram acompanhadas da família e pensando em garantir um futuro melhor para os filhos. 

O que é a FAJI, Fundação de Apoio ao Jovem de Iguatu

Surgida há cerca de 17 anos, a Fundação de Apoio ao Jovem de Iguatu é uma organização nascida fruto da visão social do empresário icoense Sá Vilarouca, radicado em Iguatu desde a década de 80 e colaborador de movimentos e ações sociais desde então. 

Conseguindo o apoio de amigos de diversos segmentos, mas unidos na crença de que é por meio do trabalho com a juventude que se faz a transformação na sociedade, a FAJI foi criada, tendo com destaque parcerias importantes para a formação profissional de jovens desde seus primeiros projetos desenvolvidos. 

Ao longo dessas quase duas décadas de existência a FAJI já formou centenas de jovens em seus projetos sociais e profissionalizantes, além de alcançar mais de 400 mil pessoas por meio das ondas da Rádio MaisFM Educativa 106.1Mhz, emissora líder em audiência e credibilidade, que se estrutura para os novos formatos de mídia sempre tendo em vista o pioneirismo e princípios claros de trabalho e ética. Além disso a FAJI desenvolve diversas ações sociais e culturais abertas ao público na cidade.

 

*Por Jan Messias

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *