Com proposta de alinhar a utilização dos computadores à formação intelectual e social a Fundação de Apoio ao Jovem de Iguatu (FAJI ) e Escola Marista Marcelino Champagnat, desenvolvem há quatro meses curso gratuito de noções básica de informática para jovens e adultos.

 

Noções de informática básica, digitação, gerenciamento de e-mails, pesquisa, formatação de apresentações e redes sociais, são parte do conteúdo abordado pelo professor Jean Carlos.

O curso gratuito teve turma formada com pessoas da própria comunidade, ainda carente de políticas publicas de impacto nas suas vidas. “Nosso roteiro principal ensinar e dá um rumo na vida deles com o uso da tecnologia de maneira boa”, disse Jean.

A ideia do curso foi motivada pela importância de ofertar o quanto antes a chance de mergulhar no mundo digital que ainda é desconhecida por muitos. Os alunos saem do curso com a possibilidade de serem agentes multiplicadores do conhecimento. “Apenas o uso em si da tecnologia não o garante como parte do meio. Aqui ensinamos que a tecnologia  tem que ser objeto transformador de vidas”, afirmou o professor.

O curso de 120h dará a chance a jovens como Vanrlei Silva 15 anos de estar mais bem preparados para corrida ao primeiro emprego. “Aprendemos aumentar o patamar de funções que agente conhecia do windows. Conhecíamos uma gama limitada e o curso é a porta de entrada que nos fez ampliar essa horizonte” adiantou Vanrlei.

O primeiro fator é a inserção social. No mundo atual a maioria das crianças e adolescentes tem acesso à informática de maneira fácil. Proporcionar a eles o domínio ainda na fase de desenvolvimento significa mantê-la atualizada e integrada ao estilo de vida da sociedade.

Para Fátima Sobreira presidente da FAJI o curso é uma oportunidade de proporcionar um futuro vencedor, ampliando para cada um a sua atuação enquanto cidadão. “O curso é um sucesso as pessoas serão preparadas ao ponto de atenderem as exigências do mercado de trabalho”, ressaltou Fátima.

Sua nota vale dinheiro

O curso foi financiado por meio da campanha ‘sua nota vale dinheiro’. A FAJI arrecadou junto a uma rede de parceiros notas e cupons fiscais de mercadorias adquiridos no comércio varejista do Estado do Ceará. Os documentos fiscais recolhidos e entregues para registro junto à Secretaria da Fazenda e transformados em recursos que foram capazes de consolidar o projeto.

A Escola Marista situada na própria comunidade do João Paulo II cedeu seu laboratório e estrutura física para o desenvolvimento do projeto de informática. Hoje (terça-feira, 18,) ocorrerá a formação com entrega de certificados da primeira turma composta por 20 alunos.

 

Contato

Estamos de braços abertos a novas parcerias, seja um amig@ da FAJI

Redes Sociais

Estamos nas redes sociais para divulgar nossas ações e fazer o reconhecimento publico dos nossos parceiros.